2013-04-07

O que têm a Coreia do Norte e o Irão em comum?

Tenho dado alguma atenção especial em relação à situação na Coreia do Norte.
Sempre olhei para a situação como sendo a birra de um miudo, fruto da lavagem cerebral do pai, ou seja, acreditava realmente naquilo que o papá dizia...

No entanto pergunto-me, não seria isto a perfeita desculpa para uma invasão do Irão pelos Estados Unidos da América?
Observem este artigo de um jornal japonês.


North Korean nuclear crisis could speed up action on Iran


Pois é... Se a Coreia do Norte ousar sequer disparar um míssil  vai ser a razão perfeita para os Norte-Americanos dizerem "Bem avisamos! Olhem ali o Irão que também quer fazer o mesmo!"
Cada vez mais acho que todo este escalar da situação, poderá ter sido criado internamente pelos próprios Americanos... afinal de contas, que melhor maneira de meter meio-mundo a odiar armas nucleares com o extra de conseguir meter a China e a Rússia a apoiar uma futura invasão do Irão.


2 comments:

Peres said...

O único povo na terra a alguma vez usar armas nucleares em alvos civis não quer concorrentes.

1978 - O Shah iraniano, um ditador de barbárie à lá idade média, no poder apoiado pelos USA e UK (oil for power). O povo do Irão decide em referendo por uma constituição islamita, que retira poderes ao Shah e mete no poleiro Ayatollah Khomeini (que ainda lá está hoje). Qual era o pior regime?

1948 - Syngman Rhee toma as rédeas do poder na Coreia do Sul, apoiado pelos USA. Entre 48 a 50, cem mil sul coreanos são mortos pelo regime de Rhee, que praticava uma autentica caça às bruxas a "simpatizantes" comunistas. No entanto, o "vilão" da guerra das coreias é o norte :p

Carlos Ferreira said...

True :)

No entanto, compara agora o Norte com o Sul.

Pelo Sul, andas à vontade e podes fazer turismo. No Norte, já não se pode dizer o mesmo...

Mas vá... interesses estratégicos americanos...