2009-03-31

São 2 da tarde :(

Sabem o que vos digo?



São 2 da manhã :D

E perante tal facto, terei que mostrar a seguinte imagem gentilmente cedida pelo Neca e que me fez rir o dia todo, pois ele usa a imagem como avatar no MSN e o wireless dele tá smp a cair.

Apresento o Doraemon:

2009-03-30

Gramática 101

Desculpem lá o título Americanizado. Parece que, nos dias que correm, Americanizar é uma das maneiras mais eficazes de nos fazermos entender. Eu proponho que será porque os (ou antes, certos, talvez mesmo a maioria dos) Americanos são de tal forma burros que, se não se lhes fala de maneira extremamente eficaz, ficam na mesma. Na verdade, não são só os americanos. Se calhar, nem são principalmente os americanos. Mas adiante...

Aos (mais uma vez, não é a todos. É só aos que julgam que não precisam) excelentíssomos senhores doutores, tanto por extenso como abreviado, professores da nossa Universidade (e, porque não, das outras, há de haver deles que precisem de saber isso): Os pronomes referem-se a um e só um substantivo e essa referência tem que ser explícita pelo menos uma vez no contexto, caso contrário:

1. Os acetatos que escreveis tornam-se crípticos;

2. Fazeis figura de idiotas que "nem escrever sabem";

3. Passais mensagem tão ambíguas que "tudo o que disserdes será usado contra vós", sem falta.

Ademais, faço notar que estas regras se aplicam a qualquer língua, e que devem ser respeitadas independentemente de saberdes falar a língua em questão ou apenas julgardes que a sabeis falar, e, tristemente, isso engloba a vossa língua materna, que, mais vezes que as que quero contar, trucidais nas vossas aulas.

Na proxima aula abordaremos a questão das imagens despropositadas e inadequadas nos slides nos slides, mas desde já adianto: evitem-nas, senhores/as! Por uma questão de bom senso!

Pax vobiscum atque vale.

What The Fuck ????

Vejam até ao fim mesmo... vão perceber o WTF?!?!

PWNED




Btw, a cena em que o gajo diz "Fred is Nº One" é relativamente a isto -> http://www.youtube.com/user/Fred por mais estupido que pareça, o puto tem o maior nº de subscribers de sempre do Youtube...

2009-03-27

Quem é o Osvaldo?

Procura-se informações sobre o blog do Osvaldo. O blog em questão tem um link para o disco-bar e o tema foi "destruido por Bruno Pinto".

O Duelo (final? Custa-me a crer...)

Ora bem, já que parece se um assunto tão badalado no panorama blogosférico actual, vamos lá a decidir de uma vez por todas num evento adequadamente intitulado...

Battle of the Blondes!!!
there might be Blood...

O evento desta noite opõe, como seria de esperar, Scarlett Johansson a Katherine Heigl. As regras são simples: as combatentes vão ser comparadas em diversas categorias e julgadas por um juri imparcial constituído por, em ordem alfabética, mim. Quem não gostar desse pormenor, que arranje uma insónia como a minha e vamos discutir o próximo evento juntos. No final, só pode haver uma vencedora.

Round 1: Nome

Scarlett I. Johansson: Scarlett é logo uma boa maneira de começar. Evoca a cor escarlate que, por sua vez, como o primo próximo vermelho, evoca calor, desejo e paixão. O sobrenome Johansson é dinamarquês, o que é meritório de um grande "'tá bem". O I. é uma inicial mistério. Kudos para quem souber o nome do meio.

vs.

Katherine Marie Heigl: Katherine também é bonito, e o diminutivo Kate é extremamente fofinho. O sobrenome Heigl, que se pronuncia "aigle" (como se não já soubessem)é alemão (acho eu...). O nome do meio, Marie, leva o carimbo de aprovação "'tá bem".

Vantagem: Scarlett Johansson.

Round 2: Sob a fita métrica

Scarlett Johansson: 1.63m, 91-63-96 (mais ou menos)

Katherine Heigl: 1.75m, 96-66-96

Vantagem: Esta parte não é nada fácil... Como é que se arbitra qual destes conjuntos de números é melhor? É que aqui não podemos, de maneira nenhuma, aplicar a regra do "maior é melhor", sobretudo não às cegas. Assim, a custo, arbitro: Katherine Heigl. Quem quiser uma explicação mais detalhada venha falar comigo. Quem discordar, problema dele/a.

Round 3: Quando e onde

Scarlett Johansson: 22 de Novembro 1984, New York City, New York, USA

Katherine Heigl: 24 de Novembro 1978, Washington, District of Columbia, USA

Agora já sabem que já abandonei a réstia de pretensão de que isto era uma coisa minimamente séria que ainda tinha. Já viram, os aniversários delas são bastante próximos, o que, por um motivo qualquer, eu acho extremamente curioso.

Vantagem: Scarlett Johansson. Com ou sem torres, NY > DC. Depois, a idade da Scarlett parece-me mais, digamos, convidativa.

Round 4: Destaques

Scarlett Johansson:
      Para cima: "The Island", "Scoop".
      Para baixo: "Eight Legged Freaks".

Também há muito a dizer de "He's Just Not That Into You", "Vicky Chistina Barcelona" e "The Spirit", mas ainda não os vi.

Katherine Heigl:
      Para cima: "Knocked Up", "Grey's Anatomy", "Roswell".
      Para baixo: Na verdade, acho que nunca vi nada com ela de que não tenha gostado...

Vantagem: Katherine Heigl, mas por pouco.

Round 5: Sci-Fi geek time

Scarlett Johansson: Clonada em "The Island", com o Obi-Wan Kenobi (Ewan McGregor) e o Boromir (Sean Bean).

Katherine Heigl: Alien em "Roswell" com uma data de indivíduos cuja habilidade enquanto actores quase estragou uma história porreira.

Vantagem: Scarlett Johansson e todas as suas cópias.

Resultado Final: 3 - 2

É oficial. Scarlett Johansson vence esta edição do "Battle of the Blondes".

Mas esperem!

A Challenger Appears!!!

Nome

Angelina Jolie Voight (sim, é naturalmente loira, mas prefere pintar o cabelo): Nada de especial. Angelina tem uma certa musicalidade interessante, mas fica por aí.

Sob a fita métrica

1.73m, 96-68-96: Aquém da Katherine. Já em comparação com a Scarlett...

Onde e Quando

4 de Junho 1975, Los Angeles, California, USA: É preciso reconhecer que a "Cidade dos Anjos" tem um certo apelo que falta a Nova Iorque... e não é pelas torres.

Destaques

      Para cima: "Gone in Sixty Seconds"
      Para baixo: Quase tudo o resto. Pior ainda ultimamente. A sério, "Wanted"? "Mr. & Mrs. Smith"? Estão a gozar comigo?

Sci-Fi geek time

Lara Croft nos dois últimos pregos no caixão da franchise. Eu era um autêntico agarrado aos Tomb Raiders. O primeiro filme era com o Daniel Craig. Aparentemente, antes de se ter licença para matar, é preciso licença para suckar (excepção feita ao Sean Connery).

Veredicto: Sem hipótese...

Depois desta ridícula intromissão de uma personagem ridícula num post ridículo de um blog extremamente sério (ou não), declaro a Scarlett Johansson a loira e mascote oficial da Corporação Disco-Bar até arranjarmos uma melhor. Não tem que ser hoje.



Pax vobiscum atque vale.

P.S.: Quando fui ao Google procurar a imagem acima, o Goolge ofereceu-se para procurar também pela Jessica Alba. Realmente, como é que ela ainda não veio à baila esta conversa?

2009-03-24

Quando é que há jogos para Linux, pá?

Estava a ler o artigo
Don't call it DRM: Microsoft explains new gaming piracy tech
quando mesmo na parte final li o seguinte:
"We obviously pay attention to what Steam is doing... in some cases we do compete with Steam, and in some areas we'd love to see them continue to do what they're doing." They both stress that Steam is great for the Windows Gaming ecosystem. "From a Windows platform perspective? Steam is fantastic."


E eu pensei "Pronto, Microsoft a ver se tira a mama da Valve do Steam". Segundo pensamento: "Se eu fosse uma companhia de software e a MS me tivesse a pisar os calos, o que é que eu fazia?".

Hipótese 1: esperar que a MS faça merda com jogos que usam o seu sistema, tipo, GTA IV. Problemas: a MS faz merda mas é como um bulldozer, não interessa a merda que faz não pára a não ser que falhe mesmo muito.

Hipótese 2: portar a sua app para o inimigo favorito da MS, Linux. Um pouco de pesquisa na net e voilá, uma notícia de aproximadamente um ano atrás relativamente ao port do motor Source para Linux.

A minha gráfica continuará sem conseguir correr os jogos mas ao menos será menos uma razão para quem usa Linux como OS principal (e tenha uma gráfica decente) não conservar o Windows.

2009-03-22

Katherine quem?

Yarr!

I haz arrived from teh depths of teh intarwabs to free you from teh tyranny of some TV hosts currently working for TVI:


Scarlett > all.

Ainda não vi o Vicky Cristina Barcelona (filme do Woody Allen), mas parece que esta tipa e a Penélope Cruz são abordados por um desconhecido (Javier Bardem acho) com uma proposta de fazerem uma festarola a três... Infelizmente, penso que não gravaram cenas hardcore (essas foram feitas no meu quarto e recuso-me a publicá-las, temos pena).

http://www.chickipedia.com/scarlett-johansson/
http://www.chickipedia.com/scarlett-johansson/photosgallery/
Versão cabelo castanho
ZOMG fotos em baixo
Nua, num filme de merda com o Keanu Reeves (NSFW)

PS: OK, my bad; é a Charlize Theron que está nua com o Reeves e não a Scarlett. Pouco importa de qq forma. O filme chama-se "The Devil's Advocate".

Fast & Furious

Aparentemente vai haver um novo Fast & Furious. Desta vez é de novo com o Vin Diesel, Paul Walker, Jordana Brewster (Mia) e essa senhora Michelle Rodriguez. Do que vi do trailer parece-me que vai ser um pouco lame, mantenho a opinião que até agora o original é o único que se aproveita. Never the less, fica aqui o trailer.

P.S.: cliquem no título do post para irem directos à página do IMDb do Fast & Furious.

2009-03-21

Katherine Heigl P0WNZ Scarlett Johansson


http://www.tapetynapulpit.org/kobiety/katherine-heigl/katherine-heigl-15.html
http://s261.photobucket.com/albums/ii56/hisupermodel/Katherine_Heigl/
http://www.modelimago.com/2007/01/katherine-heigl.html
http://www.fotosdefamosas.com.br/famosa/Katherine-Heigl.html
http://beautiful-girls-wallpaper.blogspot.com/2008_11_01_archive.html
http://www.directorama.net/2007/06/12/katherine-heigl-the-new-barbarella/

Overview of T:SCC and Data from Star Trek vs emotions [actualizado]

É sábado e sabem o que isso significa. Significa que o Peres vai ser spoilado acerca de Terminator: de Sarah Cronnor Chonicles [sic & sic].

I kid you yes, ainda nem vi o episódio. Mas posso prever o que vai acontecer:
* Sarah não morre
* John não morre
* Derek não morre

Vai ser um episódio da lista maior de encher chouriços, para culminar no final da season com algo que será tão expectável e excitante como "A Cameron ganhou o Euromilhões, que será que vai acontecer?". Hipóteses:
a) compra um chip de free will [isto é uma referência ao chip do Data do Star Trek, que explicarei mais tarde]
b) vira lésbica e vai ás putas
c) droga o John e tem sexo violento com ele e depois à semelhança de um dos filmes do Super Homem transforma-o num robô que por amor ao seu passado tenta salvar os humanos.

Pessoalmente acho o c) seria o mais engraçado, apesar de um robô tipicamente ser menos expressivo que um humano, e no caso do John não estou a ver como é possível ser menos expressivo.


Voltando ao Data do Star Trek (não sendo eu um grande aficionado de Star Trek em termos de ter tudo o que é franchise, ver todos os filmes [que são merda AFAIK, espero que o próximo seja melhor] e de ter tudo o que há que diga "Star Trek") o chip de emoções do Data é uma treta.
Num dos livros do Star Trek o Data começa a experimentar ciúme e, tentanto apagar isso da sua rede neural, descobre que não consegue fazê-lo sem apagar também parte das suas memórias da pessoa que despoletou esse sentimento. Entre a noção de que os sentimentos são algo abstracto e replicáveis com um chip que pode ser desligado a qualquer momento, ou a noção que os sentimentos estão interligados com a parte racional, acho muito melhor a segunda hipótese. Claro que os sentimentos não têm origem na parte racional do cérebro, AFAIK, mas acho que a outra hipótese não tem piada e degrada-os a algo inútil e totalmente desconexo da parte racional. E sim o Data é um robô, don't care, isto é uma discussão do tipo "suponhamos".

UPDATE: OMG! BEST EPISODE EVARRRR!!!!!!!!!!1111111111111

EDIT: o chip do Data não é de free will, é de emoções, não sei como confundi os nomes, provavelmente estava a pensar no "I, Robot" em que as duas coisas estão mais ou menos relacionadas (?).

2009-03-15

Teste de firewalls

Inicialmente fui aqui http://www.matousec.com/projects/firewall-challenge/results.php mas a verdade é que aquilo testa as funcionalidades da firewall e não a sua usabilidade.

Pessoalmente, preferia a Sygate Personal Firewall. Como já não existe e quero Outbound protection, costumo ir para a Zone Alarm. Mas a Zone Alarm precisa que se baixe o nível de segurança para partilhar net na rede e como tal andei à procura de outras.

P.S.: só analisei versões free

Comodo Internet Security : too many options, ocasionalmente volto a ela, mas como tenho andado com as ventoinhas a bombar e há um problema qualquer com o idleing com essa instalada, retomei a minha busca.

PC Tools Firewall Plus : não consegui aceder à lista de programas com acesso à rede, só via uma janela branca, após 30 segundos perdi a paciência.

Online Armor Personal Firewall : aparentemente muita gente gosta desta. Pessoalmente, tive uns stresses com o wizard pós-instalação (não dá para fazer skip) e desinstalei. Como vi que supostamente era muito boa tive muita paciência e esperei os 10 mins para o Wizard me tentar autorizar apps que encontrasse por mim. Como gosto de fazer review à lista de programas, limpei a lista, ignorando o aviso a dizer que o sistema podia ficar inusável após o fazer, reiniciei e deixei de conseguir fazer login..... (fui a Safe-mode desinstalar)

ZoneAlarm Free : desta vez não a cheguei a instalar, mas permiti-me explicar: a Firewall paga é boa nos testes, a Free nem por isso. No entanto como não estou a contar apanhar rootkits a ZoneAlarm servir-me-ia perfeitamente, é simples, apesar de não fornecer controlo sobre portas específicas, apenas sobre as ligações feitas por tal app e IPs [zonas, alias] correspondentes, e se são ligações de entrada ou de saída.

De momento estou portanto com a Sunbelt Personal Firewall, com a Application Behaviour Annoyance desligada (caso contrario estar-me ia a perguntar se o explorer.exe está autorizado a inicar o Firefox.exe). Dá-me acesso a programa que está a fazer a ligação, porta [a regra quando aplica-se à zona (Trusted Network VS Internet), acho], Incoming VS Outgoing. Problemas: é um bocado horrível e devia dar para fazer Deny a um programa durante 1h quando não crio uma regra; como não dá pergunta por cada tentativa de ligação que o programa faz. Acho que a Sygate permitia fazer "Deny during this session", am I right?


Enfim, conclusões: firewalls sem mariquices gráficas (skins, botões supostamente bonitos) são as melhores, e depois são compradas por corporações que só fazem firewalls para inglês ver e depois são descontinuadas. Fuck the corporations.

UPDATE: voltei à Comodo. A Sunbelt resolveu não arrancar o GUI porque estava maldisposta. Mas eu fiquei mais maldisposto que a Sunbelt.

European Dark Ages and stuff

Estava aqui a procrastinar quando me lembrei não sei porquê de ir ver a razão de ter existido Dark Ages e acabei por espreitar também a razão das Greek Dark Ages.

Como consequência disso encontrei alguns links interessantes que aqui deixo para quem estiver interessado em procrastinar.


http://monkeyfilter.com/link.php/6511
http://www.historyforkids.org/learn/greeks/history/latebronze.htm

http://www.idscience.org/2007/07/28/islam-the-real-cause-of-the-dark-ages/
http://en.wikipedia.org/wiki/Dark_Age_Ahead

2009-03-14

Killa

O resultado de algumas observações leva-me a postular a seguinte teoria:

"Cada ver que o Saurnil faz um comentário, um post morre".

Desta vez, vou testar se o mesmo se aplica aos posts e aos blogs. Passo a explicar: Pretendo verificar se existe algum contra-exemplo à seguinte inferência:

"Se um indivíduo mata um post quando comenta, um blog morre quando esse indivíduo cria um post"

Aguardo resultados.

Pic fail

Vamos assumir que abrem uma aplicação, vamos chamar-lhe de X, e se deparam com esta pic:

Aqui se pode concluir que:
a) quem joga no X são ou putos desmiolados ou gordos
b) os maus são primos do Sonic preto ou mesmo do Robotnik v2

Dou-lhe 5 em 10 por me ter divertido o suficiente para vir aqui escrever isto :D

Offshores do Tio do Sócrates

Sempre apareceu na imprensa, pelos vistos era verdade :p

http://dn.sapo.pt/2009/03/13/nacional/skin_revela_offshores_tio_socrates.html

Ainda dizem que o IRC não dá jeito, soube disto em primeira mão quinta de manhã ^^

2009-03-13

Magalhães...

Bem, eu cá não sei, mas aquilo parece-se muito com o magalhães... (ou o Intel Classmate PC)
link
link

Claro, vai aparecer agora uma versão 'nova': link que é capaz de não ser de 'borla' pelo programa e-escolinhas do governo

Mas claro, qualquer pessoa no seu perfeito juizo adquiriria algo como este bicho: link

Enfim ... 

PS: Já alguém notou a quantidade massiva de tags do blog?


2009-03-08

Decisão de semana nova: séries

Após analisar com cuidado a situação, decidi substituir as minhas séries de sci-fi e similares por séries de rir. Como tal:

Heroes -> House
Lost -> Californication
TSCC -> The Big Bang Theory

A transição acima poderá, no entanto, ser alvo de alterações.

P.S.: planos para mais tarde incluem, como não poderia deixar de ser, Naruto (anime, Manga is dull) e Claymore.

"O Magalhães, os erros e a Caixa Mágica"

Vindo daqui . Passo a citar:

(Actualização: o press-release oficial da CM está aqui.)

Em relação às notícias saídas no Expresso e SIC vai ser disponibilizado um press-release pela Caixa Mágica mas aqui fica um comentário pessoal e que não representa a Caixa Mágica Software.

Há imprecisões e omissões graves na notícia do Expresso. Alguns pontos importantes:

  1. Extensão dos erros: a notícia refere “80 erros clamorosos de ortografia, gramática e sintaxe nas instruções dos jogos incluídos no ambiente de trabalho Linux.”, contudo em toda a notícia apenas é referido o nome de um pacote de software, o GCompris, não havendo qualquer referência a outro software ou documentação. Sabendo que no ambiente de Linux Mag existem 1.236 pacotes de software diferentes e um manual de Caixa Mágica em português de 230 páginas, não houve um cabal esclarecimento do âmbito do problema referido.
  2. Actualizações: em relação ao pacote de software em questão, o Gcompris, foi transmitida à jornalista que contactou a Caixa Mágica, que já tinham sido efectuadas correcções ao mesmo software em 22-10-2008 e em 10-1-2009. Essas actualizações foram resultado do controlo de qualidade interno e a colaboração com professores e educadores. Os jornalistas poderiam ter realizado uma actualização através da Internet e verificado que os problemas estavam mitigados. Todos os portáteis ligados à Internet beneficiam automaticamente das actualizações sem necessidade de qualquer operação especial. Os portáteis Magalhães saídos de fábrica após a disponibilização das actualizações integram as actualizações feitas até à data.
  3. Tradutor com a 4ª classe: o artigo e reportagem da SIC refere o tradutor, José Jorge, como tendo a 4ª classe (“Tradutor tem a 4ª classe”). O tradutor, José Jorge, tem uma licenciatura em Filosofia e uma segunda licenciatura em Informática trabalhando há muitos anos nas Tecnologias de Informação. O Gcompris é uma excelente aplicação e o responsável pela tradução tem o mérito de ser o driver da tradução portuguesa.
  4. Modelo Software Livre / Aberto: no contacto que fizémos com a jornalista tentámos ser pacientes a explicar o modelo open source em que as aplicações: a) não têm um dono mas são desenvolvidas no âmbito de um projecto distribuído pelo globo b) são melhoradas continuamente com base no feedback dos utilizadores e da contribuição de developers espalhados por diferentes países. Neste modelo, existe uma melhoria contínua sendo natural que na imagem original do Magalhães pudessem ocorrer alguns problemas que entretanto foram sendo corrigidos, como o do Gcompris. Oportunidade: o Linux Caixa Mágica no Magalhães tem sido elogiado em blogs, twitter, etc em comparação com o outro sistema operativo presente… pela facilidade de utilização, segurança e diversidade de aplicações. Custa-me perceber como se faz uma notícia em torno de uma única aplicação com erros entretanto actualizados e não em torno do facto do Linux no Magalhães estar a ser preferido em muitas casas, usufruindo de um grande conjunto de Software Livre / Aberto. Na verdade, parece-me que a culpa não é dos jornalistas que apenas escrevem o que vende jornais: casos muitas vezes sem substância. Sabemos por experiência própria (por exemplo, pelo caso do Ministério da Justiça / Linius exactamente com os mesmos contornos: deputado esbraceja, Expresso publica, polémica acontece) que sempre que um projecto Software Livre / Aberto começa com impacto, surge uma polémica. Parece-me ingénuo achar que não existe casualidade entre estas polémicas e os interesses envolvidos.
  5. Equipa: cerca de 10 pessoas, da Caixa Mágica e de parceiros, têm estado envolvidas desde Setembro no core da preparação do Magalhães em Linux. Essa equipa está a concretizar a visão que o Linux no Magalhães deve ser um sistema em permanente evolução. Evolução que consiste numa dinâmica de facilitar as contribuições (software, documentação e foruns) e facilitar a utilização / instalação dessas contribuições. É essa dinâmica que nos diferencia. Esta equipa tem feito um excelente trabalho e orgulho-me do que eles conseguiram. Eles têm a minha total confiança e sei que conseguirão que o Linux vença na difícil batalha de cativar os utilizadores de Magalhães.

  6. Comunidade: hoje de manhã recebi 3 chamadas e 2 emails de pessoas externas à Caixa Mágica a oferecer ajuda para o problema.
    O caso do Gcompris no Magalhães não contraria a minha crença que o modelo de Software Livre / Aberto é o melhor para o desenvolvimento de sistemas operativos e aplicações.
    O caso do Gcompris, comprova-o.
    O facto de já antes da noticia ter saído, estarem disponíveis actualizações, comprova-o.
    O facto dos problemas não serem funcionais, de segurança ou de estabilidade, comprova-o.
    O facto de apenas um único software ter sido apontado, comprava-o.
    A nossa comunidade tem os melhores developers, os melhores tradutores e o melhor suporte.
    As polémicas que não nos derrubam, tornam-nos mais fortes.

FONTE: http://pinguinsmagicos.blogs.sapo.pt/38808.html

2009-03-04

THIS JUST IN!!!

Goucha esquiva-se de duelo mano-a-mano em UT comigo!

GRANDE COBARDE!

P.S.: quando é que não jogamos ut?

P.S.S.: fiz este post porque estava aborrecido e porque posso. Ainda bem que o Goucha esquivou, é que não me apetecia jogar.

P.S.S.S.: para quem alguma vez curtiu ut, clickem aqui para ver um video bastante bom.

phpBB vs Usenet

Tinha uns quantos Drafts no blog, um dos quais despachei para a Shoutbox e os outros vou tratar deles agora.

O que é a Usenet [Wikipédia Inglesa]

phpBB vs Usenet : I hate phpBB and alike. Gostava tanto da Usenet. Quero-a de volta!! :'( :p

Notas:
Só para pôr as coisas em perspectiva: Usenet > Mailing List > phpBB .
Sim concordo que phpBB e similares são óptimos para visitar de vez em quando, mas nada invalida a Usenet de ter uma interface semelhante.

Mas p.ex.:
  • os fóruns do Ubuntu têm suporte para "threaded messages" mas por defeito (i.e., se o utilizador que está a ler não souber activar essa opção) são "plain".
  • openSUSE tanto quanto sei tem gateway entre os fóruns dele e servidor NNTP (ou seja, Usenet).

Nota: Usenet mais ou menos igual a NNTP

Teoria: porque é que a Usenet falhou:
Para o normal user usar a Usenet é troublesome; o uso simultâneo de interface Web e Usenet poderá dar a volta ao problema, ou então uma maior integração, hassle-free, dos clientes de NNTP. Antigamente para ver um fórum de NNTP tinha-se obrigatoriamente de preencher os campos de email, nome e servidor... Novos utilizadores clueless ficavam sem acesso portanto.

Conclusão:
O mais provável é mais tarde ou mais cedo surgir uma solução mista, com vários servidores de NNTP, um por fórum. É mesmo capaz de se voltar a uma arquitectura centralizada, podendo só com um servidor de NNTP subscrever todos os fóruns existentes.

UPDATE: está um bot estúpido a tentar deixar spam neste post, vou desactivar os comentários neste post.

2009-03-03

Facebook: Hi5 done right?

Tenho a sensação que a migração do Hi5 para o Facebook é hoje uma realidade. E sinceramente, ainda bem. O Hi5 tem tralha a mais, o Facebook é o Hi5 done right. O orkut por outro lado parece estar moribundo. Um daqueles projectos do Google que parece ter sido abandonado. O tempo dirá se é mesmo isso que aconteceu.

E sim, eu sei que 90% das pessoas que lêem este blog consideram o Hi5 e similares como catálogos de pessoas :p

De qualquer maneira tenho andado a reduzir a um mínimo o número de serviços one size fits all, porque normalmente fazem-no mal, por isso para Personal Messages uso Twitter, para Fotos, se as quisesse colocar usaria Flickr, etc.. O meu Hi5 e Facebook têm relativamente pouca informação à custa do divide and conquer.

E um dia destes ainda me darei ao trabalho de apagar todas as minhas mensagens antigas do Twitter :)