2010-09-07

Serious Business

Quando andava no ciclo, aí nas voltas do meu oitavo ano, adorava sonhar, nem que fosse a dormir. Calhava ter um camarada que também gostava de discutir sonhos, especialmente sonhos lúcidos, e lá nos divertimos um bocado. Já antes disso, tinha lido um excerto de um livro acerca de interpretação de sonhos. Na altura, pareceu-me um misto de "Duh!" e "WTF!?". A saber, o livro em questão considerava "cavalgar" um símbolo sexual óbvio (Duh!) e "corredor" (tipo aquela porção do DETI que permite aceder a várias salas e mesmo passar de uma sala para outra sem se molhar até num dia de chuva) como uma expressão do desejo de voltar ao útero materno (WTF!?).

Mais recentemente tive uma fase de obcessão por sonhos lúcidos, especialmente porque, na maior parte dos meus sonhos lúcidos, desato a voar. Curiosamente, a maior parte das vezes, esses sonhos começam no Campus Académico de Santiago. (Alguém sabe o que é que isso quererá dizer?)

Aqui há dias encontrei isto. Do pouco que vi até agora, até faz algum sentido, mas depois começa a especular acerca da significância e simbolismo dos Alemães nos sonhos e não posso deixar de pensar "WTF!?"... outra vez.

Mas, já agora, queria as vossas opiniões. Achais que interpretação de sonhos tem mérito ou é mais para-ciência?

Pax vobiscum atque vale.

6 comments:

Anonymous said...

Claro que tem mérito! São coisas que provêm do teu subconsciente, e que têm _sempre_ uma relação com a tua experiência vivida.

neca said...

Como diz o Anon, dou valor ao sonhos no sentido de nascerem em algo relacionado com experiencias vividas ou que desejas viver. No sentido de serem baseados na realidade. Mas os sonhos, como tudo o resto, perdem a piada se forem sobre-valorizados e sobre-analisados. ex: Futebol.

Anonymous said...

Overrated imho.

ArabianShark said...

Spot on, Neca. Acho que é exactamente por isso que eu detesto futebol.

Fico sem perceber exactamente o que é que é overrated; os sonhos ou a análise dos mesmos? É que, a ajuizar pelo que dizem certos neurologistas, todas as noites nos fartamos de sonhar e raramente nos lembramos. Até conheço quem afirme nunca ter sonhado, ou, pelo menos, não se lembrar de alguma vez ter sonhado. No meio de tantos sonhos perdidos, pelo menos alguns (direi mesmo a maior parte, mas com pouca convicção) serão demasiado aleatórios para merecerem interpretação.

Já agora, só queria deixar aqui, em acréscimo ao comentário do Neca, que é mais frequente os sonhos relaccionarem-se com alguma coisa que tememos que com alguma coisa que desejamos. Ou então talvez não tenha nada a ver, já que há quem jure a pés juntos (o link do post, por exemplo) que os sonhos são tão simbólicos que nunca são acerca do que parecem retratar.

Ou não...

jp said...

Sonhos = Cérebro a organizar as ideias nas prateleiras...

Se assim não fosse e segundo o site...O Pinto da Costa é do FCP...logo sonha com Dragões....Logo isso significa Sexo com brasileiras...logo... ... Oh Shit...

ArabianShark said...

Oh Shit indeed... mas onde é que foste buscar as brasileiras?

Já agora, em prole do exaustivo controlo de qualidade da Corporação Disco-Bar:

Sonhos = Cérebro a organizar as ideias nas prateleiras... [citation needed]