2010-03-02

Verificação aduaneira? WTF!?

Eu seja cão se precebo... Miau!

Há coisa de 15 dias mandei vir uma base de rato do Japão. Como vossas excelências sabeis, o Japão fica muito longe, e as bases de rato não voam (muito longe de cada vez, dependendo da força com que se atiram), por isso já estava à espera de que ela demorasse 7-10 dias (até porque é essa a estimativa que o site japonês me deu).

Entretanto, uns dias mais tarde, no mesmo site, surgiu um livro que me apeteceu igualmente comprar (isto veio a ser uma má decisão, quanto mais não seja pelo preço do dito, mas olha, já lá vai...). Mais sete-a-dez dias, porque os livros não voam melhor que as bases de rato (são mais estáveis, mas também mais pesados, portanto, fica ela por ela).

Portanto cinco dias ( 7 ≤ 5 ≤ 10. Toda a gente sabe disso) depois da segunda encomenda ter sido despachada, ou seja, sete dias depois de a primeira encomenda ter sido despachada, chegou-me às mãos, entregue em pessoa pela D. Fátima (julgo eu... pelo menos acho que é assim que se chama a carteira que costuma fazer o giro desta zona) a segunda encomenda. Estranho? Ligeiramente.

Imediatamente, atafulhado de curiosidade, mandei um mail aos senhores japoneses que tinham enviado ambas as encomendas, perguntando se havia algum problema com a primeira encomenda, já que a segunda a tinha ultrapassado. Eles disseram que não.

Uma semana mais tarde, ou seja, 14 dias (já agora, para os matematicamente desafiados, 14 > 10) depois de a primeira encomenda ter sido despachada, voltei a contactar os senhores de Osaka, expus os factos e perguntei-lhes se sabiam de alguma coisa que justificasse o atraso. Eles, no entanto, não me souberam dizer nada de concreto, mas pediram desculpas pelo atraso e disseram que as encomendas para a Europa estavam, por vezes, sujeitas a atrasos e que podiam demorar mais de duas semanas. Posto isto, pediram-me que esperasse mais uns dias.

Hoje à tarde, pelas mãos do Sr. Artur (não o Dr. Artur Pereira; creio que o carteiro que faz o giro, quando não é a D. Fátima, se chama Artur. Quando não, façam de contas...), foi-me entregue a tão esperada primeira encomenda. Na penumbra do patamar, sem olhar bem para a caixa, perguntei ao Sr. Artur por que é que uma encomenda que tinha sido expeditada dois dias depois de outra, de dimensões aproximadamente iguais, proveninete do mesmo local e despachada pelo mesmo método tinha demorado mais uma semana que a sua sucessora (ou predecessora, conforme são vistas a montante ou a jusante). Ele não me soube responder.

Na claridade da minha divisão (quase) única (maravilhas do T0), reparei que a fita adesiva que selava a caixa vinha cortada, e, em sua substituição (parcial) vinha uma fita com o logotipo dos CTT a dizer "Verificação Aduaneira". Ou seja: os CTT ficaram uma semana a olhar para os conteúdos da minha encomenda e, presumivelmente, a tocarem-se auto-eroticamente, já que a base de rato tem uma rapariga de um anime qualquer desenhada (a esta parte estou a especular, se restam dúvidas. A parte dos actos perniciosos dos CTT, não da personagem do anime).

Meus caros: toda a minha vida fui filho único. Se os meus pais decidirem que me querem dar um irmãozinho (ou meios irmãozinhos, não sei qual é mais provável), tudo bem. Se o enteado do meu pai (para quem envio um grande abraço, tanto para o meu pai como para o seu enteado), que é dois anos mais velho que eu, se quiser chamar de meu irmão, não tenho quaisquer objecções, até porque, a ter um irmão, gostava muito que fosse como ele. Agora, o que não quero, não preciso e não admito é um Grande Irmão à lá George Orwell, ainda menos na figura torcida, risível e deplorável que são os CTT. E a minha privacidade, caralho!? Querem lá ver que foi com o pagamento para o Japão!?

WTF, pá!?

TL;DR: CTT = evil!!!

Pax vobiscum atque vale.

P. S.: Como o Sintra muito bem se lembrou, os matematicamente desafiados podem não reconhecer os símbolos ≤ e >. Para eles, fica a explicação: denotam, respectivamente, que uma entidade é menor ou igual que outra ou que uma entidade é maior que outra, e.g., CTT ≤ FAIL e Gemma Atkinson > all.

Hmm... há aqui um padrão...

EDIT: thread closed. Goucha
EDIT: thread reopened. Goucha

29 comments:

Claymore said...

Não sei quanto a ti... mas eu evitava tocar nessa base de rato...

Sabe-se lá que andaram os pervertidos dos CTT a fazer com ela.
:\

pornotrashers inc. said...

jasus, tanto drama por causa duma base de rato..? quit the whining drama bitch xD

Sintra said...

"já agora, para os matematicamente desafiados, 14 > 10"
ahahahah
mas olha, os matematicamente desafiados se calhar nao entendem este simbolo conhecido como "maior": >
Penso que deveras editar esse paragrafo explicitando essa seccao.

Requisito tambem um scan dessa tao malfadada base de rato!

ArabianShark said...

porno, anda cá chamar-me "bitch" à cara se és homem...

Agora para os entender-a-questão-mente desafiados, o drama não é acerca da base de rato (duh!) mas acerca da violação de privacidade e da deterioração da qualidade de um serviço impecavelmente prestado por quem não tem culpa.

Para os html-mente desafiados (assim tipo eu...), vou mas é editar o parágrafo com "7 &lte 5 &lte 10" para mostrar "7 &#8804 5 &#8804 10". Realmente, não atino com isto.

Sintra, um scan pode vir a ser complicado, uma vez que a base de rato em questão tem um apoio ergonómico para o pulso. Mas como és um gajo porreiro, isto.

Uma internet de borla para quem consiga inventar uma piada acerca de "círculo vicioso", "lógica circular" ou "adequação"... NOT!

ArabianShark said...

... fuck this!

O sacana do blogger parece ter uma posição um tanto ou quanto instável em relação ao html que admite. OK, pronto, &lte é, na melhor das hipóteses, a referência da variágel lte, mas geralmente tanto &le (que, para o blogger, não é nada) como &#8804 (que o blogger aceita, mas só nos posts, aparentemente) denotam o símbolo de menor ou igual.

Isto do blogger ainda não está perfeito...

Sintra said...

"porno, anda cá chamar-me "bitch" à cara se és homem..."

Nao eh por nada, mas eh uma rapariga.
Ou mulher se ela assim o preferir.

:P

pornotrashers inc. said...

vais apoiar o punho nas mamas da gaja, awesome (/not).

hail sintra, fail árabes :p rapariga, mulher, menina, gaja, o q quiseres.. portanto, até te podia ir chamar whining bitch, mas isso iria contrariar a minha natureza feminina xD

e eu percebi qual era a questão, mas e então..? still drama drama drama.. já se sabe como são essas coisas, aliás, conheço criaturinhas q não mandam vir cenas de determinados sítios ou determinadas cenas por terem medo que fique retido na alfândega ou afins.. that's life, deal with it. pra mais, quando o stress é com um tapete com mamas xD homem, find real boobs xD

pornotrashers inc. said...

also, pornotrasher = ciii, para mais informações contactem o goucha, ele certificará que eu tenho mamas.

Pedro Francisco said...

Não posso certificar a resposta ao toque, no entanto para tudo o resto asseguro que ou é um hoax muito bem montado ou é verdade.

E assim me despeço, amplus imperitus convicium!11

ArabianShark said...

Bem hajas, Sintra, já estava ao corrente, donde que o trocadilho.

Na sequência, pornotrashers/cii/rule #30 - tanto faz, pela minha parte - queres falar de "drama"? Penso que não nos conhecemos, mas, ao que ouço dizer, estou a nadar com os tubarões (outra vez).

Incidentalmente, alegas ter percebido a questão, mas continuas a julgar que "o stress é com um tapete com mamas(xD)". Minha cara, "mamas" é uma comodidade da qual o mundo está saturado bem para além do ponto dos proverbiais "dez cêntimos a dúzia". Se não acreditas em mim, o nosso amigo Google está mais que disposto a demonstrar que tenho nem que seja a semblança de razão. Tenta lá procurar mamas e vê lá quanto te custa cada dúzia. Incidentalmente, o Árabe ainda não se pronunciou sobre esta questão aqui no blog, o que, quer-me parecer, te aufere mais um FAIL. Usa-o com orgulho, mereceste-o.

Quanto a "deal with it", o que raio achas tu que estou a fazer? Desabafar no blog dos amigos é das coisinhas mais terapêuticas que já tive a boa fortuna de descobrir. Se achas que faria melhor em tentar um ataque bombista à estação de correios, avisa-me da próxima vez que lá fores. Caso contrário, como soi dizer-se nas internetes (e, céus, vem tãããão a propósito!) TITS or GTFO.

E, já agora, que traço da natureza feminina levaria uma senhora a adoptar o nome assumido de "pornotrashers inc."?

Aos interessados/das/falta-nos a forma nominal neutra que julguem que o tapete com mamas vem na sequência de uma carência de mamas, vide dois parágrafos acima. O apoio do pulso do tapete é excelentemente ergonómico, bem mais que os semelhantes sem a forma ou a sugestão de mamas e ainda mais que mamas anexas ao resto de uma rapariga/mulher/senhora/como quiserem. Se se sentirem inclinadas a contestar, estou mais que disposto a testar opiniões em contrário. Vinde todas. O facto de o resto do tapete estar decorado para fazer crer que se trata do peito de uma mulher é, em minha opinião, meramente cómico, e em mais nada me aquece ou me arrefece, ainda mais por ser uma figura desenhada. Francamente, nem está a ssim tão bem desenhada. O Zeca faria muito melhor. Se por um momento pensaram outra coisa, ou não me conhecem tão bem como julgam ou me estão a confundir com outro(/a? Já estou por tudo) qualquer.

@Pedro: lol.

Sintra said...

Pedro Francisco disse...

Não posso certificar a resposta ao toque, no entanto para tudo o resto asseguro que ou é um hoax muito bem montado ou é verdade.

E assim me despeço, amplus imperitus convicium!11


ahahahahahah
pode ser que qualquer dia possas certificar 100%
:P
:P
:P

Pedro Francisco said...

Neps. Depois batem-me :P Vou ficar no meu cantinho :D

Sintra said...

So te batem se for contra-gosto!!
E tu sendo um sexy do catano nao deves ter problemas!

ArabianShark said...

Não batem nada que eu não deixo!

pornotrashers inc. said...

pronto, o árabe ficou chateadinho. respira, homem. vou-me começar a abster de comentar à falta de sentido de humor/risco de ser apedrejada.

quanto a pornotrashers, agora falhaste tão redondamente meu.. (em que meu = "maaan") qual o mal duma gaja ter um nick desses? não posso ver porno? não posso ser trashy? não posso curtir? lá porque 95% das xs é o gajo a ser chupado, e lá porque a história não varia, tem de continuar a ser exclusivamente para público masculino?
o meu nick associa-se pura e simplesmente ao meu blog, que se correlaciona directamente comigo, pois claro. o meu blog é um this is pornotrash, e a tagline auto-explica: everything's porn nowadays. e um pornotrash será gerido por um(a) pornotrasher.


com jeitinho, apostava que eras um daqueles amigos do goucha de pombal - com os quais felizmente o goucha não tem muito a ver nesses aspectos - muito quadradinhos, atadinhos, e nasci-no-meio-do-monte-look-a-like. com jeitinho, não és. mas homem, se só conheces meninas cujos horizontes não passam da cozinha e os sonhos se baseiam em ficar em casa a cozinhar e a passar cuecas a ferro, azaruncho o teu. eu gosto de festas trashy, gosto de conversas 'de gajo' - que é uma pena ainda serem assim conotadas - e gosto da ideia de porno - não necessariamente do típico filme pornográfico q 90% dos gajos já viu, mas do conceito porno em si, em várias vertentes. é uma questão de sexo/líbido/instinto e em parte arte. tem um quê de animal. eu gosto.


and fyi, não, não senti necessidade de me explicar, antes que o digas.. foi só mesmo pq "E, já agora, que traço da natureza feminina levaria uma senhora a adoptar o nome assumido de "pornotrashers inc."?" pode ser considerado ofensivo para algumas senhoras. é que a idade dos dinossauros já passou amor. e ficou-te tão mal esse comentário :p

pornotrashers inc. said...

e sintra, confirma-se, o goucha é um sexy do catano :p adorei a expressão :D

Sintra said...

"com jeitinho, apostava que eras um daqueles amigos do goucha de pombal - com os quais felizmente o goucha não tem muito a ver nesses aspectos - muito quadradinhos, atadinhos, e nasci-no-meio-do-monte-look-a-like"

Oh. Eu "sou" de pombal.
Fiquei muito magoado :'(


"do típico filme pornográfico q 90% dos gajos já viu"
So 90%? Aposto que nao encontras um unico gajo que nao tenha visto porn.


"lá porque 95% das xs é o gajo a ser chupado"
"gosto de conversas 'de gajo'"
Tens entao que comecar a mandar bocas aos haters, tipo "xupa-me o clitoris oh porco". :D
True story. Ta numa das paredes do snackbar. O Goucha pode confirmar.

fakebot said...

singularity:~ fakebot$ su
Password:
sh-3.2# smbclient -M cii
Connected. Type your message, ending it with a Control-D
TITS OR GTFO
TITS OR GTFO
TITS OR GTFO
TITS OR GTFO
TITS OR GTFO
TITS OR GTFO
TITS OR GTFO
TITS OR GTFO
TITS OR GTFO
TITS OR GTFO
TITS OR GTFO
TITS OR GTFO
sh-3.2# exit
singularity:~ fakebot$

Pedro Francisco said...

Confirmo.

ArabianShark said...

"Senhora" e "gaja" não são sinónimos, independentemente da idade, era e/ou presença de dinossauros. Uma senhora que se tenha ofendido com isso só é uma senhora no mundinho dela. O decoro nunca ficou mal a ninguém. Para esse efeito, não tenho nada contra o porn, mas há um lugar para tudo.

Não sou de Pombal, conheço pouquíssima gente de Pombal (todos boas pessoas, no entanto) e fui criado numa família de senhoras emancipadas que trabalhavam liberalmente e eram excelentes cozinheiras. A única parte de Pombal onde estive é a área de serviço de Pombal e não faço ideia de onde seja o monte ou o respectivo meio.

Só conheci o Goucha depois de ele ter vindo para a universidade, e fico feliz de o conhecer. Quanto a esses amigos menos desejáveis dele de que falas, não os conheço, mas faço uma ideia, a ajuizar por outros amigos do Goucha que eu também não conheço. Incidentalmente, os amigos do Goucha que eu conheço também são meus grandes amigos (com a possível excepção de um ou dois, se é que esses se podem chamar amigos do Goucha).

"Porno é uma forma de arte" é uma frase que me faz rir sempre que a encontro. Geralmente não a encontro é fora dos filmes pornográricos. Boa...

Claro que não sentiste a necessiade de te explicares. Tenho a certeza de que algum dos infames amigos do Goucha (de Pombal, provavelmente, e oriundo do meio do monte, sem dúvida) foi aí a tua casa e ameaçou decapitar o teu ursinho de peluche favorito se não te explicasses, senão nem sequer terias tido o ensejo de o fazer. Claro como a água.

Pedro Francisco said...

Façam as pazes e ignorem-se um ao outro ou começo a limpar comentários.

ArabianShark said...

Yay! The pool is no longer closed!

pornotrashers inc. said...

árabe, toma lá um beijinho com decoro. *pazes feitas* a pornografia pode ser conceptual, mas já percebi que será uma conversa/discussão/reply que será useless ter contigo. se um beijinho for à gaja toma um aperto de mão. com luvas, que eu não sei onde te andaste a tocar, e uma senhora com decoro não toca em mãos que tocaram coisinhas ;)

also, senhora e gaja referem-se ambas a sexo feminino. e para mim é só isso. o meu peluche preferido é um mini-furby do happy meal actualmente, porque canta uma música qqr estranha.. o meu ursinho foi oferecido a uma instituição à uns anitos, sadly - tinha valor emocional suficiente para eu o defender de possíveis decapitações, no entanto.

posso perguntar, entre coro e decoro, se a tua namorada ou futura te faz/fará sexo oral? e se será prática contínua após casamento/parto de petizes? só para que me satisfaças a curiosidade: és dos que a boca que te chupa não dá beijinhos aos teus filhos, não és?
(eish, fui mesmo porca. paciência, toma lá outro beijinho e não se fala mais do assunto.)


sintra, desculpa lá, não era a minha intenção e duvido que tenhas mentalidade retardadinha :) gostava era de ver essa do snackbar, ahahahah. embora 'chupa-me a pila' pareça mais sonante do que 'chupa-me o clítoris', tem de se arranjar um nome mais apelativo para a coisa.

e desculpem lá ferir susceptibilidades/falar de sexo/wtv. acho que me vou ter mesmo de me remeter ao silêncio de futuro, já que há um lugar para tudo e diz-se que o meu não é aqui.

ArabianShark said...

Podes perguntar o que quiseres, mas há coisas que não te dizem respeito (com o maior respeito).

Sintra said...

"sintra, desculpa lá, não era a minha intenção e duvido que tenhas mentalidade retardadinha :)"

Tava no gozo :P
Custa-me ser ofendido pelas intarwebs, a nao ser que seja por pessoas que conheca mesmo e que estejam a falar a serio.
Tambem na altura qd disseste "um daqueles amigos do goucha de pombal" percebi imediatamente a que amigos te referiste porque tambem sao meus amigos/conhecidos.

Tens q pedir ao Goucha pra te mostrar a tal frase epica do snackbar. Ha tambem la um outro conjunto de frases mais ou menos ordinarias.
TALVEZ MERECESSEM UM POST?????

Anonymous said...

As gajas do meu tempo que falavam mais parecido com isto foi as que ficaram mais amarradas ao fogão, com uma miopia tão forte que as impediu de ver para além da janela da cozinha... Como diz o provérbio: "Muita parra e pouca uva..."

ArabianShark said...

Isto não parece algo que um bot diria... Quando não, és tu, Skynet?

Sintra said...

Eish ganda boca :O

Anonymous said...

Muito bom !!!