2006-07-01

do Futebol...

Pois, consta que a selecção das Quinas soma um ás suas vitórias e segue em diante pelo Mundial. Mais uma vez os valentes que outrora conquistaram os mares e as terras além deles forçaram sobre os seus adversários o acto de morder o pó.

(Mas que grande idiotice a minha, "morder o pó". Já tentaram morder pó? não dá jeito nenhum. Snifem-no antes, mas não vloguem a seguir, senão sai uma merda neste género... e eu ainda não snifei nada hoje.)

Ora a minha questão é como se segue:
Ambas as selecções passaram perto de duas horas a correr que nem malucos atrás da bola sem nunca conseguirem marcar um único golo subjugado às regras do futebol. Duas horas depois de vinte e dois (tecnicamente, mais) indivíduos se terem empenhado na tarefa de derrotar a outra selecção, descobrem que tudo se resume a seis indivíduos em cada equipa durante cinco a dez minutos. Estão a ver o problema? Lá estão os pobres diabos na Alemanha, longe de casa como tudo, a suar, a sofrer (Uns mais que outros. Viram onde o Sr. Dr. Rooney se lembrou de pisar o nosso compatriota na falta que levou a que o inglês fosse expulso?) durante duas horas (enfatizo, duas horas. Tanto quanto uma aula prática de Paradigmas. Ou SS. Ou IAPS... acho eu) para depois se ver que mais valia erem ficado em casa com as respectivas consortes enquanto os outros seis de cada lado resolviam o assunto a "pénaltis".

Pois é, não percebo mesmo isto do Futebol...

No próximo episódio... As Quinas vs. Os Franceses.

7 comments:

Sintra said...

Comer pó.
Ingerir pó.
Aspirar pó.

Interessante, este vocábulo pó.

Tens razão. Duas horas é demasiado jogo. Mas tem que haver jogo caso alguma das equipas se revele superior, para o demonstrar na marcação de golos. Ora, tal não aconteceu, e por isso fica a questão: "E agora o que fazemos?"
A FIFA sendo a bela ditadura que é, decidiu escrever uma(s) regra(s) sobre isto. Já foi revisto, alterado... sofreu de tudo. Chegaram à conclusão que se deve estender o jogo mais meia hora. Aqui está a merda. Estas duas equipas estando em pé de igualdade não merecem mais meia hora, porque enfim, uma não queria marcar e a outra era incompetente.
Penaltis logo!

Eu acho que deve haver os 90 minutos de jogo para uma das equipas mostrar que tem melhor futebol e vencer. Se não houver vencedor, que se vá imediatamente aos penaltis.

Ver duas horas de um jogo que termina em 0:0 não compensa.
Se ainda houvesse golos...

Bem, o que se quer está alcançado. Somamos mais uma vitória e jogaremos contra a França que deu um bailinho ao Brasil. E nas grandes palavras do meu pai, o Brasil não dançou o seu samba, dançou sim uma marcha fúnebre de qualidade francesa.
Avista-se uma aulinha de Português aos nossos amigos franciús. Porque enfim, esta merda de virem para cá falar Francês é que não!

ArabianShark said...

A ver vamos se o Exmo. Sr. Árbitro não resolve que os Gauleses são mais dignos da vitória que os "Tugas", como, se se recordam, aconteceu na semi-final há quatro anos.

Sintra said...

Aos Gauleses falta agora a poção mágica.
Nesse encontro poupo o árbitro. Não poupo é o senhor Abel que se calhar gostaria mais de jogar basquetebol (e sendo da etnia que ele é, não me admirava nada).

Temos o Deco. Vamos vencer aqueles "n'est pas?"...

Fábio said...

Isso dos penalties dava muito que falar...
É verdade que não reflectem o que de melhor há no futebol, mas têm a sua lógica, já que não se marcam golos durante o tempo regulamentar, que ganhe quem mais marcar fora dele!!!...
De qualquer modo sempre é melhor que a antiga técnica da moeda ao ar(sim ganhava quem tivesse mais sorte a escolher!!) que vigorava há sensivelmente trinta anos!!..
Digo eu com os nervos...


Quanto aos avecs...
Eles que venham!! Até as comemos (as francesas)!! lol...

Peres said...

Bah, quando dei por mim ja ia na 101ª linha de resposta....resumindo tudo:

Não. Mas mesmo não. Jogos com 90 mins + 30 + penalties ftw. Acabado este assunto vou para o outro.

A Inglaterra está mesmo afectada psicológicamente em penálties contra Portugal, nós falhámos 2, o que contra uma equipa normal seria fatal. Falha 2 penálties contra a frança e eu quero ver se o São Ricardo defende algum.

Quando ao jogo de amanhã...bem, eu não queria ser imigrante Português na França se ganhármos. Quanto ao jogo em si, ja nos podem dar a taça, depois fazem "par ou impar" para o segundo lugar.

Sintra said...
This comment has been removed by a blog administrator.
Sintra said...

Culpo o Peres pela derrota.
Ele disse que estava com um mau pressentimento.