2017-04-25

Salgueiro Maia, 3 meses após o 25 de Abril

Camaradas, tenhamos bem presente que ou nos mantemos fora das lutas partidárias como garantes da ordem, ou então não somos dignos da confiança que a Pátria consubstanciada no seu povo nos dedica.
Que cada um desista das facilidades pesssoais com vista a alcançar a popularidade ou algo tão efémero como isso.
Que cada um não se esqueça que cada um de que tem direito a ter acesso à inteligência
e à capacidade de raciocionar para além dos slogans orquestrados pelos partidos.

-- Salgueiro Maia, 3 meses após o 25 de Abril

https://arquivos.rtp.pt/conteudos/capitao-salgueiro-maia-em-santarem/



1 comment:

Sintra said...

Pois, caiu em ouvidos moucos, pelo que a seguir vieram os Marios Soares e equivalentes nos outros partidos...